[A BÍBLIA DO VBA NO ACCESS]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO ACCESS - CURSO COMPLETO

Páginas: 1164 | Autor: Júlio Battisti | 50% de Desconto e 21 Super Bônus

Você está em: PrincipalArtigosWindows 7 › Capítulo 09 : 14
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››
« Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »
WINDOWS 7 - CURSO COMPLETO - 2400 páginas
Autor: Júlio Battisti


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


Lição 220 - Capítulo 09 - Comandos para Verificação e Correção de Erros

Além da ferramenta Verificação de erros, o Windows 7 disponibiliza os comandos chkdsk e chkntfs. Vamos aprender a utilizar estes dois comandos.

O Comando Chkdsk:

Este comando é utilizado para criar e exibir um relatório de status para um disco com base no sistema de arquivos. O comando Chkdsk também lista e corrige erros no disco. Quando utilizado sem parâmetros, chkdsk exibe o status do disco na unidade atual.

Sintaxe para o comando chkdsk:

chkdsk [volume:][[caminho] nome_de_arquivo] [/f] [/v] [/r] [/x] [/i] [/c] [/l[:tamanho]]

A seguir temos a descrição de cada um dos parâmetros do comando chkdsk:

volume: Especifica a letra da unidade (seguida de dois-pontos), o ponto de montagem ou o nome do volume. Por exemplo: C:, D:, etc.

[caminho] nome_de_arquivo: Especifica o local e o nome de um arquivo ou conjunto de arquivos que chkdsk deve verificar para determinar se há fragmentação. Você pode utilizar caracteres curingas (isto é, * e ?) para especificar vários arquivos.

/f : Corrige erros no disco. O disco deve ser bloqueado. Se chkdsk não puder bloquear a unidade, será exibida uma mensagem perguntando se você deseja verificar a unidade na próxima vez que reiniciar o computador. Se você responder que sim, uma verificação será agendada para a próxima inicialização do sistema. Corresponde à opção “Corrigir erros do sistema de arquivos automaticamente”, da ferramenta Verificação de erros, descrita no tópico anterior.

/v: Em volumes formatados com FAT ou FAT32, exibe o nome de todos os arquivos contidos em cada pasta à medida que o disco é verificado. Em sistemas formatados com NTFS exibe mensagens de limpeza, se houver.

/r: Localiza setores defeituosos e recupera informações legíveis. O disco deve ser bloqueado. Se chkdsk não puder bloquear a unidade, será exibida uma mensagem perguntando se você deseja verificar a unidade na próxima vez que reiniciar o computador. Se você responder que sim, uma verificação será agendada para a próxima inicialização do sistema. Corresponde à opção “Procurar setores defeituosos e tentar recuperá-los”, da ferramenta Verificar erros, descrita no tópico anterior.

/x: Use esta opção somente com partições/volumes formatados com o sistema NTFS. Ela força primeiro a desmontagem do volume, se necessário. Todos os identificadores abertos para a unidade serão invalidados. A opção /x também inclui a funcionalidade da opção /f.

/i: Use esta opção somente com partições/volumes formatados com o sistema NTFS. Efetua uma verificação menos rígida das entradas de índice, reduzindo o tempo necessário para a execução de chkdsk.
/b: Use esta opção somente com partições/volumes formatados com o sistema NTFS. Avalia novamente clusters defeituosos no volume.

/c: Use esta opção somente com partições/volumes formatados com o sistema NTFS. Ela ignora a verificação de ciclos dentro da estrutura de pastas, reduzindo o tempo necessário para a execução de chkdsk.

/l[:tamanho]: Use esta opção somente com partições/volumes formatados com o sistema NTFS. Ela utilizará o tamanho digitado por você em vez do tamanho do arquivo de log. Se você omitir o parâmetro de tamanho, /l exibirá o tamanho atual.

/?: Exibe informações de ajuda no prompt de comando.

Para executar o comando chkdsk em um disco fixo, é necessário ser membro do grupo Administradores, ou seja, ter permissão de Administrador.

Nota: Para que chkdsk corrija erros no disco, não podem existir arquivos em uso na unidade. Se houver arquivos abertos na unidade a ser verificada, a seguinte mensagem de erro será exibida:

Não é possível executar CHKDSK porque o volume está em uso por outro processo. Deseja agendar a verificação deste volume para a próxima vez em que o sistema for reiniciado? (S/N)

Se você optar pela verificação da unidade na próxima vez que o computador for reiniciado, chkdsk verificará a unidade e corrigirá os erros automaticamente na próxima vez em que o computador for reiniciado. Se a partição for uma partição de inicialização, chkdsk reiniciará automaticamente o computador depois de verificar a unidade.

O comando chkdsk examina o espaço em disco e a utilização do disco pelos sistemas de arquivos tabela de alocação de arquivos (FAT) e NTFS. chkdsk fornece informações específicas de cada sistema de arquivos em um relatório de status. O relatório de status exibe os erros encontrados no sistema de arquivos. Se chkdsk for executado sem a opção de linha de comando /f em uma partição ativa, ele poderá reportar erros indesejáveis, pois não conseguirá bloquear a unidade. Você deve utilizar o comando chkdsk em cada disco periodicamente para verificar se há erros. Você pode utilizar o comando chkdsk para agendar uma tarefa que faça a verificação periódica das unidades e salve o relatório com os resultados da verificação em um arquivo de texto para verificação posterior.

O comando chkdsk só corrigirá erros de disco se você especificar a opção de linha de comando /f. É necessário que chkdsk possa bloquear a unidade para corrigir os erros. Como a reparação geralmente altera a tabela de alocação de arquivos de um disco e, às vezes, causa perda de dados, chkdsk enviará uma mensagem de confirmação semelhante a esta:

10 unidades de alocação perdidas encontradas em 3 cadeias.
Deseja converter cadeias perdidas em arquivos?

Se você pressionar S, o Windows salvará cada cadeia perdida na pasta-raiz como um arquivo com um nome no formato de arquivo nnnn.chk. Quando o comando chkdsk for concluído, você poderá verificar esses arquivos para descobrir se contêm quaisquer dados necessários. Se você pressionar N, o Windows corrigirá o disco, mas não salvará o conteúdo das unidades de alocação perdidas.
Se você não usar a opção de linha de comando /f, chkdsk enviará uma mensagem se for necessário corrigir algum arquivo, mas não corrigirá nenhum erro.

Windows exibe relatórios de status de chkdsk referentes a um disco FAT no seguinte formato:

O número de série do volume é B1AF-AFBF
72.214.528 bytes de espaço total em disco
73.728 bytes em 3 arquivos ocultos
30.720 bytes em 12 pastas
11.493.376 bytes em 386 arquivos do usuário
61.440 bytes em setores defeituosos
60.555.264 bytes disponíveis no disco
2.048 bytes em cada unidade de alocação
35.261 unidades de alocação totais no disco
29.568 unidades de alocação disponíveis em disco
O Windows exibe relatórios de status de chkdsk referentes a um disco NTFS no seguinte formato:
O tipo do sistema de arquivos é NTFS.
CHKDSK está verificando os arquivos...
Verificação de arquivos concluída.
CHKDSK está verificando índices...
Verificação dos índices concluída.
CHKDSK está verificando os descritores de segurança...
Verificação de descritores de segurança concluída.
12.372 quilobytes de espaço total em disco.
3 KB em 1 arquivo do usuário.
2 KB em 1 índice.
4.217 KB em uso pelo sistema.
8.150 KB disponíveis em disco.
512 bytes em cada unidade de alocação.
24.745 unidades de alocação totais no disco.
16.301 unidades de alocação disponíveis em disco.

Usando chkdsk com Arquivos Abertos:

Se você especificar a opção de linha de comando /f, chkdsk enviará uma mensagem de erro se forem encontrados arquivos abertos no disco. Se você não especificar a opção de linha de comando /f e existirem arquivos abertos, chkdsk poderá reportar a existência de unidades de alocação perdidas no disco. Isso poderá acontecer se os arquivos abertos ainda não tiverem sido gravados na tabela de alocação de arquivos. Se chkdsk reportar a perda de uma grande quantidade de unidades de alocação, é aconselhável reparar o disco.

A seguir temos a lista com os códigos de saída reportados por chkdsk após sua conclusão.

0: Não foram encontrados erros.
1: Foram encontrados erros e corrigidos.
2: A limpeza de disco, como a coleta de lixo, foi efetuada, ou a limpeza não foi efetuada porque /f não foi especificado.
3: Não foi possível verificar o disco, não foi possível corrigir os erros ou os erros não foram corrigidos porque a opção /f não foi especificada.

Para verificar o disco na unidade C e fazer com que o Windows corrija os erros, digite: chkdsk C: /f

chkdsk fará uma pausa e exibirá mensagens, se encontrar erros. chkdsk será concluído exibindo um relatório que lista o status do disco. Você só poderá abrir qualquer arquivo na unidade especificada depois que chkdsk for concluído.

O Comando Chkntfs:

Este comando é utilizado para exibir ou especificar se a verificação automática do sistema está agendada para ser executada em um volume FAT, FAT32 ou NTFS quando o computador for iniciado.

Sintaxe para o comando chkntfs: chkntfs volume: [/opções]

Temos os seguintes parâmetros para este comando:

volume: [...]: É obrigatório. Especifica a letra da unidade (seguida de dois-pontos), o ponto de montagem ou o nome do volume. Exibe uma mensagem que identifica o sistema de arquivos do volume especificado. Se a verificação automática de arquivos estiver agendada para ser executada, este parâmetro exibirá uma mensagem indicando se o volume foi ou não corrompido, o que exigirá que o comando chkdsk seja executado. O comando chkdsk foi descrito no item anterior.

/d: Restaura todas as configurações padrão de chkntfs, com exceção do tempo de contagem regressiva para a verificação automática de arquivos. O comportamento padrão é verificar todos os volumes quando o computador é iniciado e a execução do comando chkdsk é feita nas unidades que apresentarem problemas.

/t[:tempo]: Altera o tempo de contagem regressiva inicial de Autochk.exe para o tempo especificado em segundos. Se você não especificar :tempo, /t exibirá o tempo de contagem regressiva atual.

/x volume: [...]: Exclui o volume especificado da verificação quando o computador é iniciado, mesmo se o volume estiver marcado de modo a exigir que chkdsk seja executado.

/c volume: [...]: Agenda a verificação do volume especificado para quando o computador for iniciado. O comando chkdsk será executado automaticamente, se o volume estiver com problemas.

/?: Exibe informações de ajuda no prompt de comando.

Para executar chkntfs, é necessário que você seja membro do grupo Administradores.

Embora você possa definir o tempo de contagem regressiva inicial de Autochk.exe como zero, não será possível cancelar uma verificação automática de arquivos que levará provavelmente muito tempo se você defini-lo como zero.

Por exemplo, para agendar uma verificação automática, quando o sistema é inicializado, para o drive D:, utilize o seguinte comando:

chkntfs /c D:


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


« Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »

Livros Que O Júlio Battisti Indica:

Todos com excelentes bônus e pode parcelar no cartão!

Windows Server 2012 R2 e Active Directory

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 2100 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Universidade Redes

Curso Online: Universidade de Redes

 

Autor: André Stato | Carga horária: 170h

 

Curso Online: Universidade de Redes

A Bíblia do Excel

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1338 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Macros e VBA no Access 2010

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1164 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Macros e VBA no Excel 2010

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1124 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Universidade Java

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Neri Zeritzke | Duração: 250h | Aulas: 1922

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Todos os livros com dezenas de horas de vídeo aulas de bônus, preço especial (alguns com 50% de desconto). Aproveite. São poucas unidades de cada livro e por tempo limitado.

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Novidades e E-books grátis

Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • CNPJ: 08.916.484/0001-25
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208
  • Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2017 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI