[E-BOOK GRÁTIS]: Windows 7 Básico, 476 pgs - QUERO RECEBER!
Você está em: PrincipalTutoriaisJorgeasantos : Informaticaconcursos001
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Conheça o Júlio Battisti

Julio Battisti - Autor de mais de 25 livros de informática Júlio Battisti tem mais de 36 livros publicados, dezenas de e-books e é certificado Microsoft.

Ganhe o e-book a Seguir

e-book grátis Windows 7 Básico

476 páginas



Windows Server 2008 - Inscreva-se já!

Curta Nossa Fanpage

Loja Virtual do Site

Livros do Julio Battisti

FILTRO DE TUTORIAIS:




Informática para Concursos– 1ª Parte

Conhecimentos Básicos de Computação e Microinformática

Este tutorial trará uma série de tópicos sobre noções básicas de informática, bem como uma série de conceitos sobre o mundo tecnológico. Nestas séries serão abordados assuntos tais como: Computação, Microinformática, noções de redes de computadores, componentes básicos dos computadores, funções dos componentes, noções de sistema operacional Windows, serviços de Internet, instalação física dos computadores, mais alguns temas que são abordados quase sempre na maioria das provas em concursos que são realizados em todo o Brasil. Você aprenderá desde saber o que é um computador até meios de transmissão de dados e redes de computadores.

Não há atividade hoje praticada que não considere a informática como ferramenta de auxílio e eletiva de trabalho, sendo instrumento da evolução nos métodos de sua execução das tarefas diárias das empresas e pessoas comuns. É um assunto obrigatório quando se fala em modernização e eficiência.

O mundo globalizado e a necessidade das pessoas e empresas terem resultados mais ágeis, precisos e seguros, tornam a informática um alicerce para bom desenvolvimento dos negócios pessoais e empresarias, bem como contribui para evolução do mundo.

Sempre que nos referimos a computadores, temos em mente o que vamos usar para manipular os dados e através do que vamos executá-los para chegar ao objeto da idéia.

Em um computador podemos distinguir dois elementos básicos de interação homem-máquina:

HARDWARE – Que consiste na parte física do computador, é a parte palpável, aquela a qual podemos tocar e ver, o equipamento propriamente dito, incluindo os periféricos de entrada e saída, ou seja, o hardware é tudo o que pode ser visto e tocado e, como toda máquina, não possui inteligência e não funciona sozinha, necessita de um comando de lógica para entrar em operação, é necessária assim a intervenção humana para fazê-lo funcionar.

SOFTWARE – Consiste em cada conjunto de instruções necessárias para o funcionamento do computador. Comporta os programas que irão funcionar e informar ao hardware o que executar, de que forma e quando executa-las.

Resumindo:

  • Hardware = é o equipamento.
  • Software = é o programa.

COMPONENTES BÁSICOS DE UM COMPUTADOR

Aprendemos que o hardware é cada elemento físico que constitui o equipamento. Genericamente falando, o computador é formado por um conjunto de equipamentos que são caracterizados de acordo com sua função no sistema de arquitetura de um computador. Por tanto, existem vários tipos de componentes que formam juntos o universo do hardware de um computador.

A figura a seguir demonstra um exemplo simples de um computador e seus equipamentos:

1 – Gabinete – contendo:

  • Placa mãe (unidade de controle)
  • Placa de vídeo
  • Memórias (unidades de aritmética e lógica)
  • Disco Rígido ou HD

2 – Monitor

3 – Unidade de disco flexível

4 – Teclado

5 – Mouse

6 – Impressora

Esses equipamentos são agrupados em duas partes distintas: uma, a Unidade Central de Processamento (CPU) ou Unidade de Sistema, onde realmente ocorre o processamento de dados; e a outra, os Periféricos, que são os equipamentos eletrônicos ou eletromecânicos necessários à entrada e/ou saída de dados.

Esses agrupamentos formam e definem a divisão primária de um computador, por isso são considerados componentes básicos.

A relação entre os dois componentes básicos do computador resulta no esquema abaixo conhecido como “ARQUITETURA DE VON NEUMANN”, este nome foi dado em homenagem a seu inventor, que definiu a arquitetura do computador como sendo ENTRADA, PROCESSAMENTO E SAÍDA:

ENTRADA     PROCESSAMENTO    SAÍDA

ARQUITETURA SIMPLIFICADA DE UM COMPUTADOR

FUNÇÕES DOS COMPONENTES BÁSICOS

Para um tratamento adequado dos dados e para a execução de suas tarefas de forma organizada e segura, o computador precisa de uma arquitetura que, além de estabelecer seus componentes básicos, determina os seus objetivos e o funcionamento do conjunto de suas partes.

UNIDADE CENTRAL DE PROCESSAMENTO – CPU

É um circuito integrado.

A Unidade Central de Processamento ou CPU contém os seguintes componentes:

- a unidade de controle;

- a unidade aritmética e lógica;

- a memória interna ou principal do computador.

A CPU é o “cérebro”, ou o centro nervoso do computador, porque controla gerencialmente todas as suas operações, através da unidade de aritmética e lógica, e armazena os dados e instruções na memória interna.

A Unidade de Controle gerencia todas as operações executadas pelo computador, sob a direção de um programa armazenado.

Primeiro ele determina que a instrução seja executada pelo computador, depois procura essa instrução na memória interna e a interpreta. A instrução é, então, executada por outras unidades do computador, sob sua direção.

A Unidade de Aritmética e Lógica, também chamada de Unidade Lógica e Aritmética (ULA) ou (ALU), do inglês Aritmetic and Logic Unit, executa as operações aritméticas e lógicas dirigidas pela Unidade de Controle. Operações lógicas são, de forma simples, a habilidade de comparar coisas para tomada de decisão.

Essa habilidade para testar (comparar) dois números e ramificar para os diversos caminhos alternativos possíveis, dependendo do resultado da comparação, dá ao computador muita força e maleabilidade e é uma das razões principais para que se faça uso dos computadores em diversos setores empresariais e pessoais.

A Memória Interna ou Principal é um dispositivo para armazenar dados e instruções. Ela é usada para desempenhar as seguintes funções:

  • Armazenar o conjunto de instruções a ser executado, ou seja, o programa em si;
  • Armazenar os dados de entrada até que sejam solicitados para o processamento;
  • Armazenar dados intermediários de processamento e servir como área de trabalho;
  • Armazenar os dados de saída que são o resultado do processamento dos dados de entrada;

A memória não está, física ou fixamente, dividida nestas quatro áreas de utilização. Isto pode variar de acordo com o trabalho executado e depende muito das características de cada um. Em uma determinada tarefa, pode-se necessitar de um conjunto grande de instruções e trabalhar-se com poucos dados de entrada/saída. Outro pode, ao contrário, exigir poucas instruções e um conjunto grande de entradas e saídas de dados.

MEMÓRIA

A memória de um computador pode ser classificada segundo esta hierarquia:

* Memória Principal: nela o processador central do computador busca as instruções necessárias para executar e armazena os dados do processamento.

* Memória Secundária: usada para segmentos inativos de programas e arquivos de dados que são trazidos à memória principal quando necessário.

O processador central só executa as instruções e processa os dados que esteja na memória principal. A memória secundária é usada para organização de arquivos de dados históricos ou dados não necessários no momento para processamento.

Memória Principal – Há duas subdivisões básicas ou tipos de memória principal nos computadores atuais – memória de acesso randômico e memória read-only(somente para leitura). Temos também a memória flash, que não será abordada neste tema, pois as duas categorias abaixo são as mais antigas e mais comumente usadas.

RAM (RANDOM ACCESS MEMORY)

A Memória de Acesso Randômico (RAM), do inglês Randomic Access Memory é usada para armazenamento temporário de dados ou instruções. Quando entramos com um programa em linguagem Basic em um computador pessoal, as instruções são armazenadas na RAM do computador, assim como os dados de entrada. A RAM também é conhecida como memória read-and-write, pois podemos escrever ou ler informações neste tipo de memória.

A capacidade da RAM do equipamento é vital, pois determina o número de instruções e a quantidade dos dados armazenados a cada vez para um processamento.

A memória RAM é volátil – ao desligarmos o equipamento perdem-se as informações.

Algumas variações da memória RAM são:

SRAM(RAM ESTÁTICA) – As informações armazenadas, neste tipo de RAM, são mantidas com uma energia de alimentação (a fonte de energia elétrica deve ser mantida mesmo com o computador desligado).

DRAM(RAM DINÂMICA) – Os dados nela carregados precisam de um reforço elétrico para não serem perdidos. É mais lenta que a memória SRAM.

ROM(READY ONLY MEMORY)

A memória Read-Only(ROM), deriva do inglês Read Only Memory, é usada para armazenar instruções e/ou dados permanentes ou raramente alterados. A informação geralmente é colocada no chip de armazenamento quando ele é fabricado e o conteúdo da ROM não pode ser alterado por um programa do usuário.

As ROMs se constituem em um hardware que possui um software determinado e que não pode ser deletado pelo usuário.

As informações armazenadas na ROM não são voláteis, isto é, não são perdidas quando há falta de energia no computador.

Existem algumas variações e evoluções deste tipo de memória:

PROM: É a ROM que pode ser programada uma única vez.

EPROM: É a ROM que pode ser apagada com o uso da luz ultravioleta(podendo ser reprogramada)

EEPROM: É a ROM que pode ser apagada ou programada através de impulsos elétricos.

Nas próximas lições veremos mais sobre os componentes básicos de um computador.

Até a próxima.

Jorge Alberto dos Santos

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Windows Server 2008 - Inscreva-se já!
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Vídeo-Aulas

  • Access
  • Excel
  • Programação
  • Windows/Linux
  • Redes
  • + Todas as categorias
  • E-books

  • Access
  • Excel
  • Programação
  • Windows/Linux
  • Redes
  • + Todas as categorias
  • Livros

  • Administração
  • Excel
  • Programação
  • Windows/Linux
  • Redes
  • + Todas as categorias
  • Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Conteúdo Gratuito

  • +1500 Artigos e Tutoriais
  • ASP 3.0
  • ASP.NET
  • Access Básico
  • Access Avançado
  • Excel Básico - 120 lições
  • Excel Avançado - 120 lições
  • SQL Server 2005
  • Windows 7
  • Windows XP
  • Windows 2003 Server
  • Windows 2008 Server
  • Novidades e E-books grátis

    Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



    Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208

  • Atendimento: (51) 3717-3796 - webmaster@juliobattisti.com.br Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2014 ®