WINDOWS SERVER 2008 - CURSO COMPLETO - JÚLIO BATTISTI - CLIQUE AQUI
Você está em: PrincipalTutoriaisRodrigosfreitas : Conhecendocontabilidade060
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Conheça o Júlio Battisti

Julio Battisti - Autor de mais de 25 livros de informática Júlio Battisti tem mais de 36 livros publicados, dezenas de e-books e é certificado Microsoft.

Ganhe o a Seguir

 grátis Windows 7 Básico

476h



Windows Server 2008 - Inscreva-se já!

Curta Nossa Fanpage

Loja Virtual do Site

Livros do Julio Battisti

FILTRO DE TUTORIAIS:




Devoluções de Compras de Mercadorias

 

Na série de tutoriais passados, aprendemos a contabilização dos cancelamentos (ou devoluções) de vendas, no presente tutorial aprenderemos o inverso, agora vamos falar sobre como deve ser contabilizada a devolução de uma compra.

 

Vamos nessa?

 

Introdução a Devolução de Compras de Mercadorias:

 

O processo de registro da devolução de compras de mercadorias é bem mais simples do que o registro do cancelamento das vendas. Vamos ver um exemplo através de um exercício, onde inicialmente não vamos considerar os créditos de ICMS. Ok?

 

Partindo do balanço patrimonial abaixo, vamos registrar as seguintes operações:

 

 

Em 01-02, compra de 8 unidades de mercadorias pela quantia total de R$ 800,00 a vista.

 

Em 03-02, venda de 3 unidades de mercadorias, pelo valor R$ 500,00 com recebimento a prazo.

 

Em 28-02, a empresa percebeu que 4 unidades dos produtos que estavam em seu estoque apresentavam defeito e resolveu devolver esses produtos, o fornecedor devolveu de imediato o valor referente as devoluções de compras.

 

Vamos ao registro em nossa planilha de controle de estoques.

 

 

Vejam que na terceira operação, houve uma devolução de compras de mercadorias, registramos, portanto a quantidade e o valor total entre parênteses, indicando assim que estamos fazendo um ajuste no valor das compras.

 

Assim retiramos 4 unidades de mercadorias de nosso estoque, avaliadas cada uma a R$ 100,00, que totalizam R$ 400,00, vejam que o registro do ajuste na coluna de entrada, faz com que na ultima linha da nossa planilha aparece na linha TOTAL a quantidade de 4 unidades, como se fosse a quantidade total de compras de mercadorias do mês, e na verdade é, porque se compramos 8 e devolvemos 4, na verdade mesmo, a nossa compra do mês foi somente de 4 unidades.

 

E após esse registro ficamos com 1 unidade em estoque, avaliada pelo valor total de R$ 100,00.

 

Vamos agora ao registro dessa operação nos razonetes.

 

 

Lembrando que as operações foram as seguintes:

 

Em 01-02, compra de 8 unidades de mercadorias pela quantia total de R$ 800,00 a vista.

 

Em 03-02, venda de 3 unidades de mercadorias, pelo valor R$ 500,00 com recebimento a prazo.

 

Em 28-02, a empresa percebeu que 4 unidades dos produtos que estavam em seu estoque apresentavam defeito e resolveu devolver esses produtos, o fornecedor devolveu de imediato o valor referente as devoluções de compras.

 

O último lançamento é referente a devolução da compra de mercadoria, vejam que tínhamos 5 unidades de mercadorias avaliadas a R$ 100,00 cada, totalizando R$ 500,00, sendo que efetuamos a devolução de 4 unidades, logo, uma devolução de R$ 400,00. Em outras palavras podemos dizer que devolvemos metade da compra que tínhamos efetuada não foi? Compramos R$ 800,00 e devolvemos R$ 400,00, ou, compramos 8 unidades e devolvemos 4 unidades.

 

Contabilmente temos que retirar a mercadoria do nosso estoque, portanto se devolvemos 4 unidades, temos que retirar do nosso estoque, o valor correspondente a 4 unidades (R$ 400,00), para registrar a saída dessa mercadoria (conseqüentemente uma redução no valor do nosso estoque), temos que fazer um crédito na conta de mercadorias.

 

Ótimo, fizemos um crédito para registrar a diminuição em nosso estoque, agora falta o débito (lembram-se que cada lançamento deve haver um ou mais débito, mas que a soma dos débitos deve ser igual a soma dos créditos), e onde faremos esse débito?

 

Vai depender do enunciado, vejam que no enunciado do exercício acima foi dito que o fornecedor devolveu o dinheiro da devolução no ato da entrega das mercadorias, portanto esse débito será feito na conta BANCOS, se o enunciado dissesse que o fornecedor abateria dos valores das dividas, significaria que o débito deveria ser efetuado na conta de FORNECEDORES (passivo).

 

Ok?

 

Vamos complicar um pouquinho mais?

 

Considerações quanto ao ICMS na Devolução de Compras:

 

Vamos agora ver como deve ser efetuado o registro da devolução da compra, quando existe o lançamento do ICMS. Para tanto vamos fazer o mesmo exercício que fizemos acima, sendo que agora vamos considerar um crédito de ICMS de 10% sobre o valor da compra, e na venda o ICMS deve ser calculado pela alíquota de 19%. Ok?

 

Temos então que refazer a nossa planilha de controle de estoques que ficaria da seguinte forma:

 

 

Vejam que no primeiro registro (compra), o valor total da compra foi de R$ 800,00 sendo que temos que calcular o ICMS que vamos recuperar pela alíquota de 10%, logo 10% de R$ 800,00 é R$ 80,00, sendo esse o valor que vamos recuperar de ICMS, e esse valor devemos retirar do custo de aquisição da mercadoria, portando o valor do custo de aquisição total agora foi de R$ 720,00.

 

O segundo lançamento foi de uma venda de mercadoria, sem maiores complicações, lembrando que temos que fazer o registro da despesa com ICMS, que será calculada com base em 19% sobre o valor da venda, logo, R$ 95,00.

 

O terceiro lançamento também foi idêntico ao que fizemos no exercício anterior, ou seja, registramos um ajuste na coluna de entrada, tanto nas quantidades como no valor total, sendo que este último houve alteração em relação ao valor do ultimo exercício, em virtude de que o custo de aquisição foi diferente nesse exercício. Antes o nosso custo de aquisição unitário era de R$ 100,00, e agora é de R$ 90,00, ocasionado por causa da retirada do ICMS que iremos recuperar do custo da mercadoria, portanto o custo de aquisição diminuiu. Com esse lançamento retiramos de nosso estoque o valor equivalente a 4 unidades de mercadoria, ou seja, metade da quantidade que compramos.

 

Vamos agora ao registro nos razonetes:

 

 

A primeira operação foi o registro da compra, fizemos dois débitos um no valor de R$ 80,00 na conta de ICMS a Recuperar e o outro no valor de R$ 720,00 na conta de mercadorias, o crédito foi feito na conta BANCOS no valor de R$ 800,00.

 

O segundo lançamento é referente a venda de 3 unidades de mercadorias, no valor total de R$ 500,00, assim creditamos a conta de Receita de Vendas em tal valor, e debitamos a conta clientes em R$ 500,00, tendo em vista que a venda foi efetuado a prazo.

 

Complementando esse lançamento temos agora que fazer o registro do custo da mercadoria, e conseqüentemente a baixa no estoque dessas mercadorias, fizemos assim um debito na conta de CMV e um crédito na conta MERCADORIAS, ambas no valor de R$ 270,00.

 

Para finalizar o lançamento da venda, temos agora que fazer o registro da provisão com o ICMS, assim após efetuarmos o calculo para achar o valor do ICMS (500,00 x 19% = 95,00), falta fazer o registro do mesmo debitamos a conta de ICMS s/ Vendas e creditarmos a conta de ICMS a Pagar no valor de R$ 95,00.

 

Temos assim a segunda operação registrada por completo.

 

Vamos a ultima operação, que é a devolução da compra efetuada. Vamos fazer o registro dessa operação com calma para podermos entender bem como ela deve ser feita.

 

A empresa percebendo que 4 unidades das suas mercadorias estavam com defeito, resolver devolver o produto, inicialmente temos que saber qual foi o valor que a empresa pagou por cada unidade de mercadoria, para tanto basta sabermos o valor total da compra e dividir pela quantidade adquirida (800,00 : 8 = 100), sendo esse o valor que a empresa pagou por cada unidade de mercadoria.

 

O próximo passo é saber por qual valor a empresa registrou, essa mercadoria como custo, podemos saber facilmente pela analise da nossa planilha de controle de estoques, e identificamos que o valor registrado como custo foi de R$ 90,00 por cada unidade. Agora temos que calcular o custo das 4 unidades (90 x 4 = 360,00). Então esse valor de R$ 360,00 é que deveremos retirar de nosso estoque. (Vejam o crédito que fizemos no razonete de MERCADORIAS).

 

Agora tem um porém quando compramos a mercadoria, nos apropriamos do crédito de ICMS por causa dessa compra, só agora estamos devolvendo essa mercadoria, logo, não podemos ficar com o crédito do ICMS que nos apropriamos.

 

Vejam bem:

 

Quando compramos aproveitamos R$ 80,00 de ICMS. Que era relativos a 8 unidades de mercadorias, logo, cada unidade de mercadoria, nos deu de crédito de ICMS a quantia de R$ 10,00.

 

Agora estamos devolvendo 4 unidades de mercadorias, logo, não podemos aproveitar o crédito de ICMS dessas 4 unidades de mercadorias (R$ 40,00). Mas o que vamos fazer com ele?

 

Simples, vamos devolver ao fornecedor, pois afinal esse ICMS é dele, pois ele nos vendeu cada unidade de mercadoria por R$ 100,00, sendo que dentro desses R$ 100,00, nos tínhamos R$ 10,00 de ICMS (10%), o qual nos apropriamos como crédito certo?

 

Agora percebam que baixamos de nosso estoque a quantia de R$ 360,00, sendo que cada unidade foi baixada pelo valor unitário de R$ 90,00. Só que o nosso fornecedor nos vendeu essas 4 unidades por R$ 400,00 e agora nos vamos devolver somente R$ 360,00 tem alguma coisa faltando não tem?

 

Falta R$ 40,00, que são os créditos de ICMS relativos a 4 unidades.

 

Então para completar os R$ 40,00 que estão faltando para completar os R$ 400,00 (lembrem-se que R$ 360,00 já foi retirado do nosso estoque), vamos retirar o mesmo da conta de ICMS a RECUPERAR, do modo que fizemos nos razonetes acima (esse lançamento foi destacado em azul).

 

É assim que deve ser feito o registro contábil de uma devolução de compras.

 

No inicio é complicado entender, mas com a prática isso “entra no sangue”.

 

Exercício:

 

Vamos fazer um exercício para fixação:

 

1.º - Continuando o exercício acima faça os lançamento necessários para a elaboração do balanço patrimonial.

 

2.º - Partindo do balanço patrimonial do exercício 1, faça a contabilização das operações abaixo:

 

Dia 01/03 – Compra de 5 unidades de mercadorias, pelo valor total de R$ 600,00 (ICMS de 15%), com pagamento a prazo.

 

Dia 02/03 – Compra de 4 unidades de mercadorias, pelo valor total de R$ 600,00 (ICMS de 19%), com pagamento a vista.

 

Dia 10/03 – Venda de 4 unidades de mercadorias pelo valor total de R$ 800,00, sendo metade a vista.

 

Dia 12/03 – Devolução de 2 unidades, referente a venda efetuada em 10/03, o valor da devolução será abatido do próximo pagamento.

 

Dia 15/03 – Compra de 3 unidades de mercadorias por R$ 270,00, a prazo (SEM ICMS).

 

Dia 18/03 – Devolução de 1 unidade da compra efetuada em 02/03, o fornecedor devolveu o dinheiro no ato.

 

Dia 20/03 – Devolução de 2 unidades da compra realizada no dia 15/03.

 

A alíquota do ICMS a ser utilizada no calculo da venda de mercadoria é de R$ 18%, ao final do exercício deve ser feito o calculo e o registro (provisão) dos demais impostos PIS e COFINS, pelas alíquotas de 1% e 3%.

 

Elaborar um balanço patrimonial e uma DRE.

 

No próximo tutorial estaremos efetuando a correção.

 

Até a próxima.

 

Windows Server 2008 - Inscreva-se já -s Últimas Vagas! Curso Completo de SAP!

Universidade PHP - Inscreva-se já -s Últimas Vagas! Curso Online de Java para Iniciantes!

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Vídeo-Aulas

  • Access
  • Excel
  • Programação
  • Windows/Linux
  • Redes
  • + Todas as categorias
  • E-books

  • Access
  • Excel
  • Programação
  • Windows/Linux
  • Redes
  • + Todas as categorias
  • Livros

  • Administração
  • Excel
  • Programação
  • Windows/Linux
  • Redes
  • + Todas as categorias
  • Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Conteúdo Gratuito

  • +1500 Artigos e Tutoriais
  • ASP 3.0
  • ASP.NET
  • Access Básico
  • Access Avançado
  • Excel Básico - 120 lições
  • Excel Avançado - 120 lições
  • SQL Server 2005
  • Windows 7
  • Windows XP
  • Windows 2003 Server
  • Windows 2008 Server
  • Novidades e E-books grátis

    Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



    Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208

  • Atendimento: (51) 3717-3796 - webmaster@juliobattisti.com.br Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2014 ®