NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalArtigosLinux : Linuxbasico015
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Linux Básico – Parte XV

 

8  – Redirecionamento

 

No linux, o comportamento padrão do sistema relativo a entrada e saída se dá da seguinte forma: a entrada de informações ocorre através do teclado (stdin) e a  saída de informações através da tela do seu monitor (stdout).

 

Porém este tipo de comportamento pode ser alterado de acordo com a nossa necessidade, podemos por exemplo fazer com que a entrada passe a ser um arquivo e a saída uma impressora. Conseguimos isso através do redirecionamento. Já usamos redirecionamento em lições anteriores porém agora veremos em mais detalhes.

 

8.1- Operadores

 

Em algumas ocasiões pode ser necessário direcionar a saída para um arquivo ou fazer com que a saída de um comando seja a entrada do outro. Isso é conhecido como redirecionamento de saída. Os operadores mais comuns deste tipo de redirecionamento são o “>”e o “|”. Existe também o “<” que serve para redirecionar a entrada, porém não é tão utilizado e não será abordado aqui.

 

Vamos agora ver um exemplo de redirecionamento usando o “>”

 

A. Digite:

 

 

B. Digite:

 

 

C. Digite:

 

 

Observe que o arquivo uniao que não existia é criado durante o redirecionamento e contém o conteúdo dos dois textos.

 

D. Digite:

 

 

Figura 69 – Listando arquivo criado no redirecionamento

 

Lembre-se que se o arquivo já existir seu conteúdo será subtituido pelo novo conteúdo do redirecionamento. Ao longo deste tutorial aprenderemos como anexar ao invés de subtituir informações de um arquivo existente.

 

Redirecionar “nada” a um arquivo que já existe é a mesma coisa que zerar o arquivo. Vejamos:

 

A. Digite:

 

 

Observe o tamanho que o tamanho do arquivo é de 452

 

B. Digite:

 

 

C. Digite:

 

 

Observe que agora o tamanho do arquivo é zero.

 

Vamos agora ver um exemplo de redirecionamento usando o “|” (pipe):

 

A. Digite:

 

 

Observe que estamos listando o conteúdo do diretório corrente e a saída do ls serve como entrada para o comando grep que faz a filtragem. Resumindo, estamos listando arquivos que contenham a palavra lista.

 

8.2 – Combinando operadores

 

Os operadores “>” e “|” podem ser combinados para produzir resultados úteis.

 

Podemos por exemplo listar o arquivo de ajuda de um comando e salvar em um arquivo somente aquilo que nos interessa. Vejamos:

 

A. Digite:

 

 

Com isso listamos a ajuda do commando less. Observe que o conteúdo ocupa várias páginas.

 

Figura 70 – Arquivo de ajuda do comando less

 

Estamos interessados somente nas instruções de deleção que contenham a palavra delete e queremos arquivar isso para referência futura. Logo:

 

B. Digite:

 

 

Observe que o “|” juntamente com o grep se encarregam da filtragem e o “>” apenas redireciona a saída da tela para um arquivo.

 

C. Digite:

 

 

Figura 71 – Listando o arquivo lessref

 

8.3 – Usando o operador “>>”.

 

O operador “>>” serve apenas para anexar um determinado conteúdo a um arquivo já existente ao invés de substituir esse mesmo conteúdo. Vejamos um exemplo:

 

A. Digite:

 

 

Figura 72 – Listando o arquivo lessref com novas informações

 

Observe que o novo conteúdo do arquivo lessref e compare com o anterior.

 

Observe também que o novo conteúdo foi anexado ao conteúdo anterior so invés de substitui-lo.

 

8.4 – Identificadores de entrada/saída

 

Há três tipos de entrada/saída os quais tem seus próprios identificadores:

 

» Entrada Padrão : 0

» Saída Padrão : 1

» Erro padrão : 2

 

Se o número identificador é omitido e usamos o operador de redirecionamento, “<” , o redirecionamento se refere a entrada padrão, por outro lado se usamos o “>”, o redirecionamento se refere a saída padrão. Vejamos alguns exemplos:

 

A. Digite:

 

 

O comando acima irá direcionar tanto a saída padrão e o erro padrão para o arquivo listadir.

 

B. Digite:

 

 

O comando acima irá derecionar somente a saída padrão para o arquivo listadir.

 

O“&” aqui diz ao sistema que estamos lidando com identificadores. Observe que não há espaço entre os operadores de redirecionamento e o “&”. Caso coloquemos esse espaço o sistema entende o “&” como parte de um arquivo e não um identificador.

 

Linux para Usuários - Básico
Instalando o Red Hat Linux
Introdução ao Linux
Comandos Básicos - Parte 1
Comandos Básicos - Parte 2
Comandos Básicos - Parte 3
Comandos Básicos - Parte 4
Edição de Texto - Parte 1
Edição de Texto - Parte 2
Edição de Texto com o vi - Parte 1
Edição de Texto com o vi - Parte 2
Sistema de Arquivos
Usando a forma literal
Processos - Parte 1
Processos - Parte 2 - Comandos
Processos - Parte 3 - Mais Comandos
Redirecionamento e Operadores
O Comando Grep
Configurações do Ambiente
Arquivos do Setup do Shell e o "/etc/profile"
Configurações de Rede
Comandos de Rede
Comandos de ftp e Instalação do lynx
Utilização e Configurações do Lynx
Instalação e Utilização do Browser Elinks
Parte 1 - A história do Linux
Parte 2 - As Distribuições Linux
Ubuntu Linux - Parte 2 - Conhecendo e Instalando o Ubuntu Linux - Parte 1
Ubuntu Linux - Parte 3 - Conhecendo e Instalando o Ubuntu Linux - Parte 2
Faça a sua declaração de imposto de renda com Linux
Linux para Administradores - Básico
Novidades sobre o Mandriva 2006
Configurando o Ambiente Gráfico no Linux
Instalando o Mandriva – Parte 1
Instalando o Mandriva – Parte 2
Instalando o Mandriva – Parte 3
Instalando o Mandriva – Parte 4
Ubuntu Linux - Parte 1 - Obtendo os CDs do Ubuntu gratuitamente
Mandriva Linux – Repositório com URPMI
Aprenda NFS e instale o Linux via Rede
Configurando um servidor de horas no Linux e Windows
Configure o Raid no Linux – Prático
Configurando o Red Hat Para ser Acessado Remotamente em Modo Gráfico
Instalando e configurando o Tomcat no Linux com Java - Prático
Mandriva Linux – Gerenciador de Pacotes - Usando o URPMI - Parte 1
Mandriva Linux – Gerenciador de Pacotes - Usando o URPMI - Parte 2
Gerenciando o Windows a partir do Linux
Gerenciando o Linux a partir do Windows
Configurando aplicações JSP via browser com o Tomcat
CACIC
CACIC - O que é o CACIC?
CACIC - Fazendo o download do CACIC
CACIC - Descompactando os arquivos do CACIC e Configurando o MySQL
CACIC - Configurando o php e ftp no Linux
CACIC - Configurando o Gerente do CACIC

 

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2021 ®

[LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI