NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalArtigosSQL Server 2005 › Capítulo 04 : 10
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
« Lição anterior Curso Completo de SQL Server 2005 - Júlio Battisti Δ Página principal Curso Completo de SQL Server 2005 - Júlio Battisti ¤ Capítulos Curso Completo de SQL Server 2005 - Júlio Battisti Próxima lição »
SQL Server 2005 - CURSO COMPLETO
Autor: Júlio Battisti
Lição 058 - Capítulo 04 - UMA VISÃO GERAL DOS ÍNDICES NO SQL SERVER 2005

A criação de índices é uma ferramenta poderosa para o projetista do Banco de Dados. Um índice é uma estrutura auxiliar que melhora o desempenho das consultas. O papel principal do índice é reduzir o número de operações de I/O (leitura e escrita (Input/Output) no disco) necessárias para localizar os dados solicitados pela consulta. Ao utilizar índices, ajudamos o SQL Server 2005 a, rapidamente, localizar e disponibilizar os dados necessários, através de um número de operações de I/O muito menor do que se não tivéssemos índices no Banco de Dados. Uma analogia que aparece em diversos livros sobre Bancos de Dados é a comparação com o índice de um livro (O Sumário do início do livro ou mais precisamente o Índice Remissivo, que vem no final do livro. Estas duas são também estruturas auxiliares, cujo objetivo é facilitar a localização de um conteúdo, dentro do livro). Você procura o tópico desejado no índice e abre o livro diretamente na página relacionada, ao invés de folhar página por página, o que teria que ser feito se não tivéssemos o índice.

Podemos criar índices em qualquer coluna de uma tabela, inclusive em uma coluna com valores calculados (esta foi uma das novidades do SQL Server 2000, a qual, evidentemente, também faz parte do SQL Server 2005) . Se não utilizarmos índices, o SQL Server precisa realizar uma operação conhecida como “Table Scan”, para localizar os dados solicitados por uma consulta. Uma operação de Table Scan é uma leitura seqüencial de todos os registros da tabela, o que implica em muito mais operações de I/O de disco do que quando utilizamos índices. Como operações de I/O de disco normalmente são bastante lentas quando comparadas com operações de leitura ou escrita em memória, a utilização de índices, ao reduzir o número de operações de I/O de disco, melhora significativamente o desempenho das consultas.

Se não definirmos nenhum índice para uma tabela, os registros serão armazenados aleatoriamente, sem nenhuma ordem específica.

No SQL Server podemos ter dois tipos de índices, conforme descrito a seguir.

« Lição anterior Curso Completo de SQL Server 2005 - Júlio Battisti Δ Página principal Curso Completo de SQL Server 2005 - Júlio Battisti ¤ Capítulos Curso Completo de SQL Server 2005 - Júlio Battisti Próxima lição »

você conhece a universidade do access?

Universidade do Access - Curso Completo de Access
com tudo para você dominar o Access - do Básico ao
Avançado - até a Criação de Sistemas Profissionais
Completos - Passo a Passo - Tela a Tela

Aplica-se ao Access 2019, 2016, 2013 e 2010!

13 Cursos - 574 Vídeo-Aulas - 63:32 horas

Para todos os detalhes, acesse:

https://juliobattisti.com.br/universidade-do-access.asp

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

    Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

    Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2019 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI