[MEU 50º LIVRO]: BANCOS DE DADOS E ACESS - CURSO COMPLETO - DO BÁSICO AO VBA - 1602 páginas

Páginas: 1602 | Autor: Júlio Battisti | 40% de Desconto e 70h de Vídeo Aulas de Bônus

Você está em: PrincipalArtigosWindows XP › Capítulo 06 : 02
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››
« Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »
WINDOWS XP - CURSO COMPLETO
Autor: Júlio Battisti


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


Lição 156 - Capítulo 06 - O Microsoft Management Console - MMC e os Snap-ins

O MMC foi criado para servir como uma interface unificada para a administração e gerenciamento dos mais variados recursos do Windows 2000 e continua sendo utilizado pelo Windows XP e pelo Windows Server 2003 (e também será utilizada pelo Windows Vista, que será o sucessor do Windows XP e pelo Longhorn Server, que será o sucessor do Windows Server 2003). Em versões anteriores do Windows, como por exemplo o Windows NT Server 4.0 e 3.51, cada tarefa possuía um aplicativo com uma interface diferente. Por exemplo a interface do User Manager for Domains (o qual é utilizado para criar contas e grupos de usuários em um servidor) era completamente diferente da interface de outras ferramentas administrativas, tais como o Disk Manager (utilizado para gerenciar os discos rígidos e partições). Com isso o administrador precisava aprender a utilizar uma série de interfaces diferentes.

O MMC resolve esse problema, fornecendo uma interface única para todas as tarefas administrativas. Na verdade o MMC vem sendo utilizado em alguns programas há algum tempo, como o Internet Information Server 4.0 (servidor Web da Microsoft), Proxy Server 2.0 (Firewall para proteção da rede interna), Microsoft SQL Server 7.0, 2000 e 2005 (servidor de Banco de dados da Microsoft), dentre outros programas da Microsoft. Com o Windows XP é disponibilizada a versão 2.0 do MMC.

Na verdade o MMC sozinho não oferece nenhuma funcionalidade, não serve para absolutamente nada. O MMC fornece uma maneira padronizada para a criação de ferramentas administrativas. Toda a funcionalidade do MMC é fornecida por aplicações de gerenciamento e administração chamadas Snap-Ins; o MMC funciona simplesmente como um hospedeiro para os diversos Snap-Ins. Conforme veremos nos exemplos práticos a seguir, ao abrir o MMC, nenhuma funcionalidade estará disponível até que seja carregado um Snap-In. Por exemplo, quando acessamos uma ferramenta administrativa, como por exemplo o Gerenciamento do computador, estamos carregando o MMC e, dentro dele, um Snap-In projetado para realizar um conjunto de funções administrativas. O conjunto MMC + Snap-In é conhecido como Console ou Console de administração.

Um novo console do MMC é composto por uma janela dividida em dois painéis, janela esta muito semelhante à janela do Windows Explorer. O painel da esquerda exibe a árvore de console, com as diversas opções, idêntica à árvore de pastas e sub-pastas do Windows Explorer. A árvore de console mostra os itens que estão disponíveis em um determinado console. O painel da direita contém o painel de detalhes. O painel de detalhes mostra as informações e funções relativas ao item que está selecionado no painel da esquerda. Quando você clica em diferentes itens da árvore de console, as informações no painel de detalhes são alteradas. O painel de detalhes pode exibir vários tipos de informações, como páginas da Web, elementos gráficos, gráficos, tabelas e colunas.

Na Figura 6.1 temos um exemplo de um console do MMC, no qual é exibido o console Gerenciamento do computador. Observe a divisão em dois painéis, muito parecida com a janela do Windows Explorer. Também observe que temos uma opção – Usuários e grupos locais, a qual é utilizada para fazer o gerenciamento/administração de contas de usuários e de grupos.


Figura 6.1
O console Gerenciamento do computador.

Aprenderemos a utilizar diversas opções do console Gerenciamento do computador. Para abri-lo devemos acessar a opção Ferramentas Administrativas, do Painel de controle.

Cada console possui seus próprios menus e sua própria barra de ferramentas, separados dos menus e da barra de ferramentas da janela principal do MMC, que ajudam o usuário a executar tarefas.

O Windows XP já vem com uma série de consoles pré-configurados, os quais estão disponíveis através da opção Ferramentas administrativas, no Painel de controle.

Os consoles que foram criados com as versões anteriores do MMC (versões 1.1 e 1.2) podem ser lidos pelo MMC 2.0. No entanto, para salvar ou modificar os consoles antigos, o usuário será solicitado a fazer a conversão em MMC 2.0.

Você pode utilizar o MMC para uma série de atividades, tais como:

  • Realizar a maioria das tarefas administrativas do dia-a-dia.
  • Fazer o gerenciamento e a administração de uma maneira centralizada.
  • Fazer administração e gerenciamento remoto, desde que você possua as permissões para isso. Por exemplo, você pode acessar, remotamente, o console para gerenciamento de contas e grupos de usuários, de qualquer computador da rede, desde que você informe uma conta e senha de administrador, no computador remoto.
  • Criar consoles personalizados e definir permissões para delegar funções para um ou mais usuários.

Quando abrimos a ferramenta para administrar contas de usuários e grupos, na verdade estamos abrindo o MMC e carregando o Snap-In especialmente projetado para realizar as tarefas administrativas relativas a contas usuários e grupos. Podemos ter um ou mais Snap-In carregados, simultaneamente, no MMC, de tal forma que em uma mesma janela podemos realizar as mais variadas tarefas administrativas.

Exemplo: Vamos abrir o MMC sem nenhum Snap-In carregado. Conforme veremos, o MMC em si não oferece nenhuma funcionalidade. Usaremos este exercício apenas para mostrar que o MMC em si não oferece nenhuma funcionalidade. Toda e qualquer funcionalidade é fornecida pelos Snap-Ins carregados.

Para abrir o MMC sem nenhum Snap-In carregado, siga os passos indicados a seguir:

1.    Faça o logon como Administrador ou com uma conta com permissão de Administrador.

Apenas para lembrar, no Windows XP Professional a conta Administrador é oculta por padrão, isto é, não aparece na lista de contas, na inicialização do Windows XP. É possível fazer o logon com esta conta, mesmo que ela não esteja aparecendo na lista. Para isso pressione Ctrl+Alt+Del duas vezes. Será exibida a tela de logon tradicional do Windows. No campo Usuário digite Administrador e no campo senha, a senha do Administrador, a qual é definida no momento da instalação do Windows XP, embora possa ser alterada posteriormente, conforme veremos neste capítulo. Não é obrigatório o logon como Administrador, podendo ser uma conta com permissões de Administrador. Para lembrar o que foi visto no Capítulo 2, por padrão, todas as contas criadas durante a instalação do Windows XP têm permissão de Administrador.

2.    Selecione o comando Iniciar -> Executar.

3.    Na janela que surge, no campo Abrir, digite mmc e dê um clique em OK. Será aberta uma janela do MMC com um novo console chamado Console 1, conforme indicado na Figura 6.2. Esta janela mostra o MMC sem nenhum Snap-In Carregado.


Figura 6.2
MMC sem nenhum Snap-In carregado.

Agora vamos abrir o MMC com alguns Snap-Ins já carregados. Vamos também analisar a interface dos consoles abertos.

4.    Feche o MMC aberto anteriormente.

Exemplo 2: Para abrir o MMC para gerenciamento do computador, siga os passos indicados a seguir:

1.       Abra o Painel de controle: Iniciar -> Painel de controle.

2.       Abra a opção Ferramentas administrativas. Irá surgir a janela Ferramentas administrativas. Observe que nesta janela temos diversos Consoles de administração disponíveis: Serviços de componentes, Diretiva de segurança local, Desempenho, Visualização de eventos, Fontes de dados (ODBC), Gerenciamento do computador e Serviços.

3.       Dê um clique duplo na opção Gerenciamento do computador. Será aberto o console Gerenciamento do computador, indicado anteriormente na Figura 6.1.

A maneira de utilizar e navegar na janela de um console do MMC é exatamente igual à utilizada no Windows Explorer. Vamos navegando através do painel da esquerda e quando um elemento do painel da esquerda é selecionado, o seu conteúdo/detalhes é exibido no painel da direita.

Além disso, os menus e botões da barra de ferramentas vão se modificando, dependendo do elemento selecionado. Isso porque as ações que podemos realizar, por exemplo, sobre uma conta de usuário, são diferentes das ações que podemos realizar sobre um disco rígido ou sobre uma partição de um disco rígido. Essa mudança nos menus e na barra de ferramentas serve para refletir quais ações são possíveis sobre o elemento selecionado.

4.       Para abrir a pasta Grupos, conforme indicado na figura a seguir, dê um clique no sinal de + ao lado da opção Usuários e grupos locais. Esta opção se abre mostrando duas opções ligadas a ela: Usuários e Grupos.

5.       Para ver uma listagem dos Grupos de usuários já disponíveis em seu computador, dê um clique em Grupos. No painel da direita será exibida uma listagem com os grupos disponíveis.


Figura 6.3
Listagem de grupos criados durante a instalação do Windows XP.

Os grupos exibidos na listagem da Figura 6.3 são os chamados “Built-in groups”, ou seja, grupos internos do Windows XP. Estes grupos são criados automaticamente durante a instalação do Windows XP Professional.

Você também pode utilizar o botão direito do mouse. Por exemplo, se você clicar com o botão direito sobre a opção Usuários, surge um menu cuja primeira opção é “Novo usuário”. Utilizaremos esta opção em um dos próximos tópicos, quando falaremos sobre a criação de usuários.

6.    Feche o MMC para gerenciamento do computador.

Um MMC com um ou mais Snap-Ins carregados é chamado de um Console. Quando instalamos o Windows XP, já são adicionados diversos Consoles pré-configurados para que possamos executar as tarefas administrativas mais comuns. Nos demais capítulos deste livro, utilizaremos uma série de consoles pré-configurados, para realizar operações tais como verificar o desempenho do computador e acessar o log de eventos do Windows XP.


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


« Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »

Livros Que O Júlio Battisti Indica:

Todos com excelentes bônus e pode parcelar no cartão!

Windows Server 2012 R2 e Active Directory

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 2100 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Universidade Redes

Curso Online: Universidade de Redes

 

Autor: André Stato | Carga horária: 170h

 

Curso Online: Universidade de Redes

A Bíblia do Excel

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1338 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Macros e VBA no Access 2010

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1164 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Macros e VBA no Excel 2010

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1124 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Universidade Java

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Neri Zeritzke | Duração: 250h | Aulas: 1922

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Todos os livros com dezenas de horas de vídeo aulas de bônus, preço especial (alguns com 50% de desconto). Aproveite. São poucas unidades de cada livro e por tempo limitado.

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Novidades e E-books grátis

Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • CNPJ: 08.916.484/0001-25
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208
  • Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2017 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI