[MEU 50º LIVRO]: BANCOS DE DADOS E ACESS - CURSO COMPLETO - DO BÁSICO AO VBA - 1602 páginas

Páginas: 1602 | Autor: Júlio Battisti | 40% de Desconto e 70h de Vídeo Aulas de Bônus

Você está em: PrincipalArtigosWindows XP › Capítulo 11 : 11
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››
« Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »
WINDOWS XP - CURSO COMPLETO
Autor: Júlio Battisti


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


Lição 285 - Capítulo 11 - Um Pouco de Teoria Sobre Contas e Grupos em um Domínio

Quando trabalhamos com uma rede de computadores, o assunto segurança é um dos itens de maior importância. O Administrador deve ser capaz de permitir que cada usuário somente tenha acesso aos recursos – sejam eles arquivos, impressoras ou serviços – os quais sejam necessários para a realização do seu trabalho. Por exemplo, um usuário que trabalha no departamento de carga e descarga não deve ser capaz de acessar informações sobre salários, contidas nos arquivos de um servidor do departamento de Recursos Humanos.

Em redes com servidores baseados no Windows 2000 Server, podemos limitar os recursos aos quais cada usuário tem acesso, através do uso de permissões – de compartilhamento e NTFS. Conforme vimos no Capítulo 7, as permissões de acesso podem ser atribuídas para um usuário individualmente, ou para um Grupo de Usuários. Para que possamos atribuir permissões, cada usuário deve ser cadastrado no domínio, ou em outras palavras: deve ter uma conta de usuário cadastrada no domínio. Cadastrar o usuário significa criar uma “Conta de Usuário” para ele. Com uma conta o usuário pode efetuar o logon e receber permissões para acessar os mais variados recursos disponibilizados pelos servidores Windows 2000 Server ou Windows Server 2003.

Uma conta pode ser criada em um Controlador de Domínio – situação em que a conta é válida e reconhecida em todo o domínio; ou a conta pode ser criada em um Servidor Membro – situação em que a conta somente é válida e reconhecida no Servidor Membro onde ela foi criada. Ou ainda uma conta pode ser criada em uma estação de trabalho com o Windows XP instalado, conta esta que somente poderá ser utilizada no computador onde ela foi criada.

Contas criadas em um Controlador de Domínio são chamadas de “Domain User Accounts” (Contas de Usuários do Domínio). Essas contas permitem que o usuário faça o logon em qualquer computador do domínio e receba permissões para acessar recursos em qualquer computador do domínio.

Nos exemplos deste tópico trataremos sobre contas em um domínio chamado GROZA, com um domínio DNS chamado groza.com, que foi o domínio que utilizamos nos exemplos do início do capítulo. Se você estiver utilizando um domínio diferente, o que é bastante provável, substitua o nome de domínio groza.com pelo nome que você está utilizando.

Para acompanhar os demais exemplos deste capítulo, você deve ter acesso a um domínio e também deve ter instalado as Ferramentas administrativas, conforme descrito no tópico anterior.

Para criar contas em Servidores Membro, o procedimento é bastante semelhante, e apenas a quantidade de campos de informação de cada conta é um pouco menor. Contas criadas em um Servidor Membro são chamadas de “Local User Accounts” (Contas de Usuários Locais). Essas contas somente permitem que o usuário faça o logon e receba permissões para acessar recursos do computador onde a conta foi criada. Sempre que possível evite criar Contas Locais em servidores que fazem parte de um domínio (nos Member Servers). Utilizar as contas do Domínio, as quais ficam armazenadas no Active Directory, torna a administração bem mais fácil.

Outro detalhe que você deve observar é a utilização de um padrão para o nome das contas de usuários. Você deve estabelecer um padrão para a criação de nomes, pois não podemos ter dois usuários com o mesmo nome de logon dentro do mesmo domínio. Por exemplo se tivermos no mesmo domínio dois usuários José da Silva e os dois resolverem utilizar como logon “jsilva”, teremos um problema de conflito de nomes. Para isso é importante que seja definido um padrão e no caso de nomes iguais deve ser definida uma maneira de diferenciá-los. Por exemplo poderíamos usar como padrão a primeira letra do nome e o último sobrenome. No caso de nomes iguais, acrescenta-se números. No nosso exemplo o primeiro José da Silva cadastrado ficaria como jsilva, já o segundo a ser cadastrado ficaria como jsilva1. Caso no futuro tivéssemos mais um José da Silva dentro do mesmo domínio, este seria o jsilva2 e assim por diante.

Quando formos criar nomes de logon para os usuários, devemos levar em consideração os seguintes fatos:

  • Nomes de Usuários do Domínio devem ser únicos.
  • Podem ter no máximo 20 caracteres.
  • Os seguintes caracteres não podem ser utilizados: “ / \ : ; [ ] | = , + * ? < >

Sempre que você for cadastrar um usuário também deve ser cadastrada uma senha para o usuário; além disso podemos especificar um número mínimo de caracteres aceito para a senha, conforme veremos mais adiante neste tópico. O número máximo de caracteres da senha é 128.

Para as senhas, é feita a distinção entre letras maiúsculas e minúsculas. Por exemplo a senha “ABC123” é diferente da senha “abc123”.

Vamos praticar um pouco. Vamos criar algumas contas de usuários (lembrando que as telas de exemplo mostram a criação de contas em um Controlador de Domínio), e depois vamos alterar algumas propriedades destas contas.

Exemplo: Criar as seguintes contas de usuários com as respectivas senhas:

Tabela 11.2 Contas de Usuários do Domínio GROZA (groza.com)

Nome da conta

Senha

Nome completo

Jsilva

senha123

José da Silva

Maria

maria123

Maria do Socorro

Paulo

paulo123

Paulo Pereira

Passo 1: Para criar a conta para o usuário José da Silva, faça o seguinte:

1.       Efetue o logon como Administrador do domínio GROZA (groza.com).

2.       Selecione o comando Iniciar -> Ferramentas administrativas -> Active Directory Users and Computers. Será carregado o console Active Directory Users and Computers, conforme indicado na Figura 11.15


Figura 11.15
O console Active Directory Users and Computers.

3.       Dê um clique no sinal de + ao lado de groza.com (provavelmente o nome do seu domínio seja diferente; dê um clique no sinal de + ao lado do nome do seu domínio).

4.       Abaixo de groza.com surgem diversas opções. Dê um clique na opção “Users” (ou “Usuários” se o Snap-in já estiver traduzido para o português). No painel da direita é exibida uma listagem com o nome de todos os usuários e grupos já cadastrados no domínio groza.com, conforme indicado na Figura 11.16.


Figura 11.16
Listagem com todos os usuários já cadastrados no domínio groza.com.

Observe a coluna Type: User indica uma conta de usuário e Security Group – Global, indica um grupo de segurança global. Mais adiante falaremos sobre os diversos tipos de grupos que podem existir em um domínio.

5.       Dê um clique com o botão direito do mouse, sobre a opção Users (Usuários).

6.       No menu que surge, aponte para a opção New (Novo) e no menu que surge dê um clique em Usuário. Surge um assistente para ajudá-lo a criar um novo usuário. Digite as informações para criar o usuário jsilva, conforme indicado na Figura 11.17.


Figura 11.17
Criando o usuário jsilva, no domínio groza.com.

Nome de logon do usuário é o nome que o usuário utiliza para efetuar o logon em computadores com o Windows 2000, Windows Server 2003 e Windows XP. Já Nome de logon do usuário (anterior ao Windows 2000) é o nome que o usuário utiliza para efetuar o logon em computadores com versões mais antigas do Windows, tais como o Windows NT 4.0 e o Windows 95/98/Me. Por simplicidade estes dois nomes devem ser iguais; observe que à medida que você digitar o primeiro, o segundo será automaticamente preenchido.

À medida que você for digitando o Nome, Iniciais e Sobrenome, o Windows vai preenchendo o campo Nome completo. Caso você queira é possível alterar o Nome completo, sem que isso provoque mudança nos demais campos.

7.       Dê um clique no botão Avançar (Next), para ir para a próxima etapa do assistente.

8.       Nesta etapa você deve digitar a senha do usuário duas vezes, para confirmação: uma no campo Password (senha) e outra no campo Confirm password (Confirmar senha). Digite senha123 nos campos Senha e Confirmar senha. Observe que à medida que você digita a senha, o Windows exibe apenas pontos grandes nos campos Senha e Confirmar senha, conforme indicado na Figura 11.18.


Figura 11.18
Definindo a senha para o usuário jsilva.

Outras opções que podem ser configuradas nesta tela:

  • O usuário deve alterar a senha no próximo logon (User must change password at next logon): Se esta opção estiver marcada, na primeira vez que o usuário fizer o logon, será solicitado que ele altere a sua senha. Esta opção é utilizada para que o usuário possa colocar uma senha que somente ele conhece, pois na primeira vez que o usuário é cadastrado, a senha é digitada pelo Administrador, o qual fica sabendo a senha do usuário. No próximo logon o usuário altera a senha de tal maneira que somente ele saiba a senha da sua conta.
  • O usuário não pode alterar a senha (User cannot change password): A senha somente pode ser alterada pelo Administrador. Normalmente utilizada para contas de empregados temporários e para estagiários.
  • A senha nunca expira (Password never expires): Independente das políticas de segurança do domínio, se esta opção estiver marcada, o usuário nunca precisa trocar a sua senha. Caso contrário, de tempos em tempos (conforme configurado nas políticas de segurança do domínio), o usuário terá que alterar a sua senha.
  • A conta está desativada (Account is disabled): O Administrador marca esta opção para bloquear a conta de um usuário. Usuários com a conta bloqueada não podem mais efetuar logon e, conseqüentemente, não podem mais acessar nenhum recurso dos computadores do domínio. Esta opção normalmente é utilizada para desativar, temporariamente, a conta de empregados que estão em férias. Quando o empregado retorna ao serviço, o Administrador libera a sua conta, simplesmente desmarcando esta opção.

9.       Certifique-se de que as quatro opções acima descritas estão desmarcadas e dê um clique no botão Avançar (Next), para seguir para a próxima etapa do assistente.

10.     Surge uma tela informando que um novo objeto será criado. Lembre-se que todos os elementos do Active Directory são chamados de objetos, conforme descrito anteriormente. Dê um clique no botão Concluir (Finish). Feito isso o usuário José da. Silva já aparece na listagem de usuários, conforme indicado na Figura 11.19.


Figura 11.19
Usuário José da Silva já cadastrado.

11.     Feche o console Active Directory Users and Computers.

Passo 2: Agora vamos efetuar o logoff do usuário Administrador e fazer o logon com a conta jsilva, para verificar se a conta está funcionando corretamente.

Para efetuar o logoff do usuário Administrador e fazer o logon como jsilva, siga os passos indicados a seguir:

1.       Feche todos os programas que você tiver aberto.

2.       Dê um clique no botão Iniciar e depois na opção Desligar.

3.       Surge a janela Desligar o Windows. Na lista “O que você deseja fazer com o computador?”, escolha Fazer logoff de Administrador e dê um clique em OK.

4.       Em poucos instantes o logoff é efetuado e o Windows XP volta a mostrar a tela inicial de logon. Pressione Ctrl+Alt+Del.

5.       Na tela que surge, no campo Nome do usuário, digite jsilva, e no campo Senha digite senha123.

6.       Caso o campo Efetuar logon em: não esteja sendo exibido, dê um clique no botão Opções. O campo Efetuar logon em: mostra o nome do domínio no qual você está fazendo o logon. Certifique-se de que esteja selecionado o domínio correto, para o nosso exemplo: GROZA.

7.       Dê um clique em OK e pronto, você terá se logado com a conta de usuário jsilva, recém-criada.

8.       Faça o logoff do usuário jsilva.


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


« Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »

Livros Que O Júlio Battisti Indica:

Todos com excelentes bônus e pode parcelar no cartão!

Windows Server 2012 R2 e Active Directory

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 2100 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Universidade Redes

Curso Online: Universidade de Redes

 

Autor: André Stato | Carga horária: 170h

 

Curso Online: Universidade de Redes

A Bíblia do Excel

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1338 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Macros e VBA no Access 2010

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1164 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Macros e VBA no Excel 2010

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1124 | Editora: Instituto Alpha

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Universidade Java

 Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

 

Autor: Neri Zeritzke | Duração: 250h | Aulas: 1922

 

[Livro]: Aprenda com Júlio Battisti: Access 2010 Básico em 140 Lições - Através de Exemplos Práticos

Todos os livros com dezenas de horas de vídeo aulas de bônus, preço especial (alguns com 50% de desconto). Aproveite. São poucas unidades de cada livro e por tempo limitado.

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Novidades e E-books grátis

Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • CNPJ: 08.916.484/0001-25
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208
  • Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2017 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI