NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalArtigosLucasfurtado : Cenarios_windows_aik_2
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cenário 2: Implantação via rede

Esse cenário descreve como criar e implantar uma imagem de uma instalação personalizada do Windows  usando uma rede. Esse processo, conhecido como implantação baseada em imagem, é ideal para ambientes de fabricação com alto volume de produção nos quais a velocidade é uma prioridade. Acho que todos os analistas de suporte e/ou administradores já passaram por isso. Com esse método, você criará e implantará a imagem usando uma combinação da ferramenta ImageX e do Windows PE. A ferramenta ImageX fornece tecnologia de imagens para capturar e aplicar sua instalação personalizada do Windows. O Windows PE fornece um ambiente de pré-instalação autônomo, incluindo conectividade de rede e configuração de disco.

Resumindo a grosso modo: É preciso prepara um SO (Windows PE) para o boot externo, com ele é possível carregar os drivers genéricos ou customizados como o driver da placa de rede. Depois é necessário capturar (Image X) a imagem, ou seja, Clonar o SO configurado do “zero”.

NOTA: Como disse anteriormente, fazemos aqui o processo de captura de imagem. Será gerado um arquivo e através dele replicamos o mesmo para os demais micros. Caso aconteça algum problema com a imagem de dois micros, por exemplo, certamente, TODOS os micros terão o mesmo fim e será preciso rever o que ocorreu ou pior ainda, refazer todo o trabalho. Portanto, CUIDADO, teste as configurações do micro de referência, só depois comece o processo de criação e replicação de imagem.

Visão geral do processo:

O processo de criação da imagem começa quando você cria um conjunto de configurações usando o Gerenciador de Imagem de Sistema do Windows (Windows SIM) e armazena o conjunto de configurações em um dispositivo de mídia removível, como uma unidade flash USB (famoso, pen-drive). Você insere sua mídia removível, que contém o conjunto de configurações, e um DVD do Windows no computador de referência. Inicie o computador para que a Instalação do Windows aplique quaisquer configurações especificadas ao arquivo de resposta contido no conjunto de configurações. Quando a Instalação do Windows terminar, você reiniciará o sistema no modo de auditoria, onde é possível fazer personalizações adicionais, bem como verificar quais personalizações específicas foram aplicadas. Quando estiver satisfeito com a instalação, ou seja, TUDO testado e aprovado, você irá preparar a imagem para duplicação usando a ferramenta de preparação do sistema (Sysprep), a ferramenta ImageX e o Windows PE. Depois de capturar a imagem, você armazenará a imagem em um compartilhamento de rede, por exemplo.

O processo para implantar a imagem começa ao inicializar um computador de destino com o Windows PE e conectar o computador à rede. Em seguida, você usará a ferramenta ImageX para aplicar a imagem personalizada do compartilhamento de rede ao computador de destino. Agora, o computador está pronto para ser entregue ao cliente.

O diagrama a seguir ilustra o processo de implantação.

Diagrama de fluxo de trabalho de implantação de uma rede.  Imagem retirada da internet.

Diagrama de fluxo de trabalho de implantação de uma rede

Apenas relembrando, achei interessante e vale muito a leitura sobre esses conceitos. O texto abaixo foi retirado da documentação do site do TechNet.

Por que usar o Windows SIM?

O Windows SIM fornece uma interface de usuário gráfica simples que o ajuda a organizar e definir suas personalizações do Windows. O Windows SIM é a principal ferramenta para criar um conjunto de configuração e um arquivo de resposta. Os arquivos de resposta criados manualmente podem estar sujeitos a erros, aumentando a probabilidade de falhas. O Windows SIM fornece validação para arquivos de resposta e ajuda contextual de cada configuração autônoma do Windows.

Depois de criar um arquivo de resposta e um conjunto de configurações, você está pronto para instalar o Windows no computador de referência.

Por que usar o modo de auditoria?

Há dois modos nos quais o Windows pode ser inicializado durante uma instalação autônoma: modo de auditoria e Boas-vindas do Windows (também chamado de Configuração Inicial pelo Usuário). O modo de auditoria é o ambiente ideal para você fazer alterações e configurações adicionais em uma instalação do Windows antes de entregar o computador ao seu destino final. O modo de auditoria permite a instalação de aplicativos adicionais, drivers de dispositivo, execução de scripts ou aplicação de atualizações em uma instalação do Windows. Depois de completar suas configurações adicionais no modo de auditoria, você pode configurar o computador para ser inicializado nas Boas-vindas do Windows na próxima inicialização usando a ferramenta de linha de comando Sysprep. As Boas-vindas do Windows foi projetada para que os usuários finais configurem seu computador de acordo com suas necessidades.

Por que o Sysprep?

A ferramenta Sysprep remove informações específicas do sistema e redefine o computador, para que na próxima inicialização, os clientes possam aceitar os Termos de Licença para Software Microsoft e adicionar informações específicas de usuário.

Importante:  Caso você pretenda transferir uma imagem do Windows para um computador diferente, execute o comando sysprep com a opção /generalize, mesmo que o computador tenha a mesma configuração de hardware. O comando sysprep/generalize remove informações exclusivas da instalação do Windows, possibilitando assim a reutilização da imagem em questão em diferentes computadores.

A próxima vez em que você carregar a imagem do Windows, o passo de configuração em specialize será executada. Durante esse passo de configuração, muitos componentes têm ações que devem ser processadas quando você inicializa uma imagem do Windows em um novo computador.

Qualquer método de movimentação de uma imagem do Windows para um novo computador novo, seja por uma operação de imagem, duplicação do disco rígido, ou outros métodos, deve ser preparado com o comando sysprep/generalize. Não é possível transferir ou copiar uma imagem do Windows para um computador diferente sem executar o comando sysprep /generalize.

 Para executar automaticamente a ferramenta Sysprep após a instalação, defina a configuração do componente Microsoft-Windows-Deployment\Reseal no arquivo seu Autounattend.xml da seguinte forma: ForceShutdownNow = true, Mode =OOBE

Para executar a ferramenta Sysprep manualmente de um sistema operacional em execução, no prompt de comando, digite c:\windows\system32\sysprep.exe /oobe /shutdown

Bom pessoal é isso. Mais um cenário apresentado. Na próxima postagem será apresentado um outro cenário. Agora, daqui pra frente, a complexidade aumentará juntamente com a eficiência. Até breve!!

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

    Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

    Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2019 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI